11 de julho de 2016

Conhecendo a noite gay de Frankfurt, na Alemanha

A Alemanha é um dos países mais avançados da Europa e um dos que mais se destaca na aceitação ao público LGBT, em especial sua capital, Berlim. Mas a noite gay de Frankfurt, apesar de bem mais tranquila que a de Berlim, oferece suas opções.

É importante ressaltar que existem duas cidades chamadas Frankfurt na Alemanha. Uma, não tão conhecida, é a Frankfurt an der Oder, que faz fronteira com a cidade de Slubice, na Polônia, no nordeste da Alemanha, perto de Berlim. A outra, mais famosa é a Frankfurt am Main, que é conhecida somente por Frankfurt, fica na área centro-oeste do país e é da que vamos falar aqui hoje.

Eu visitei a cidade no finzinho de janeiro do ano passado, com meu pai, em um mochilão que nomeei como Dando a Volta na Tcheca, porque percorremos os 4 países que fazem fronteira com a República Tcheca (Alemanha, Polônia, Eslováquia e Áustria), passando ainda pela Hungria, mas sem entrar na Tcheca! Ufa! 😛

Felicidade do primeiro dia do mochilão Dando a Volta na Tcheca

Felicidade do primeiro dia do mochilão Dando a Volta na Tcheca

Frankfurt foi nossa primeira parada e já na primeira noite, um sábado, deixei meu pai no United Hostel Frankfurt City Center, onde ficamos hospedados (leia o review no Viagem Primata) e parti pra conhecer o fervo da cidade.

Meu pai até cogitou ir junto, mas como tínhamos chegado naquele dia, andado o dia todo e ainda estava frio, ele preferiu ficar deitadinho e dormir bem.

 

A noite gay de Frankfurt

Com uma pesquisa rápida, tentei elencar o que me pareceram as melhores opções da noite gay de Frankfurt. Peguei os endereços, joguei no mapa do celular, e lá fui eu no frio alemão na cara e na coragem. O bairro gay da cidade é o centro (Innenstadt), perto da rua Alte Gasse.

Apesar de ser sábado, não espere de Frankfurt uma cena muito agitada. Minha opção foi por um circuito próximo a rua Zeil, a rua de compras famosa e chique da cidade. Há um quarteirão ali que reúne vários bares e baladas para o público LGBT entre as ruas Alte Gasse e Elenfantengasse.

Comecei pelo Bar Central (veja no mapa), e foi super estranho. Não pelo bar em si, mas se já é estranho você chegar sozinho num bar ou balada na cidade onde você mora, imagine em um lugar novo, onde nem os costumes você conhece. E o bar é bem pequeno e fiquei com a sensação de que as pessoas que vão lá são frequentadores assíduos, costumam ir sempre.

Noite gay em Frankfurt: Kaiserstraße, a rua do meu hostel

Noite gay em Frankfurt: Kaiserstraße, a rua do meu hostel

Pedi um drink e fiquei um tempo ali. Mas achei meio mortinho. Na verdade, ele era, no fim das contas, um dos mais bombados dali. Pelo que vi, as portas seguintes, ainda na Elefantengasse, eram também de bares gays.

O segundo bar foi na porta vizinha ao Bar Central, mas não me lembro o nome dele e nem encontrei nas pesquisas, foi mal, bi. Logo ao entrar, você desce uma escada e a baladinha-bar fica abaixo do nível da rua. Mas esse é um lugar tipo festa estranha com gente esquisita, bi, então pode pular. Pelo menos no dia que eu fui não tava legal não, e super vazio. Bleargh!

O terceiro lugar que parei chama Tangerine e tinha mais uma cara de pub e foi, talvez, o mais agradável dos três, por ter uma atmosfera mais relaxada, não tão posh, mas também não tão underground assim. Me lembro do atendente ser super simpático e o pessoal mais relax, apesar de não estar tão cheio.

Achei bem estranho todos os lugares estarem tão pouco movimentados assim num sábado à noite, mas pelo que fiquei sabendo conversando com o pessoal de lá, realmente a noite gay de Frankfurt é bem tranquilinha. É bom saber, de qualquer maneira, pra você ir procurar a nossa turma estando na cidade, mas não vá com grandes expectativas.

Por conta disso e um tantinho frustrado, pensei em ir pra Gibson, uma baladinha que fica na Zeil, é a mais famosinha da cidade, que não é totalmente gay, mas tem uma noite LGBT, a Delicious. Mas até aí, né? Já tava por lá, vamo que vamo! Mas eu fui barrado na porta! 😮

Acontece que na Alemanha, é costume que os seguranças que estão na porta avaliem se você pode ou não entrar na casa. Eu estava com uma calça jeans e uma camiseta, mas numa pegada mais arrumadinha e a blusa de frio mais esporte social e tal. Mas ele falou que eu não estava bem vestido o suficiente! Achei uma afronta, sabe, mas vou eu discutir em alemão? Não, né? Meu curso de 1 ano e meio de alemão me ajudava até fazer pedido em restaurantes, mas não pra argumentar o quanto minha presença era ilustre e eu iria abrilhantar aquele lugar. Aí fui embora, né?

No caminho entre a Elefantengasse e a Gibson, fica a Metropol Sauna, uma sauna gay das mais famosinhas e bombadas da cidade. Se sua pegada é mais forte e os bares estiverem como eu descrevi, talvez você possa optar por acabar a noite por lá. Caso contrário, volta pro seu hostel e arrasa no soninho porque Frankfurt é uma cidade incrível (que eu adorei e quero voltar), e que tem muita coisa pra fazer durante o dia. 😉

 

Outras opções na noite gay de Frankfurt

Não dá pra conhecer tudo em tão pouco tempo, mas além das opções que já citei, nas minhas pesquisas bafônicas encontrei alguns outros points pela cidade que você pode testar se estiver por mais tempo por lá. Vamos a eles?

 

Bares gays em Frankfurt

De bares, você pode tentar o Zum Schwejk, que é super tradicional, ou o Babylon Frankfurt, que tem karaokê nas noites de quarta. O Lucky’s tem karaokê às terças e é conhecido pelos preços baixos. O Halo abre todos os dias a partir das 20h e tem shows, fervendo a noite gay de Frankfurt. Se sua pegada é mais de um pub, vale tentar o Birmingham Pub, que é popular entre os clientes gays.

Já o Switchboard, além de ser um café bar, é também um local de suporte sobre HIV/AIDS, oferecendo atendimento ao público. Nas noites de domingo, os locais costumam ir de café e bolo por lá. Durante o ano, rolam eventos e palestras.

Meat Room, uma ótima opção pra jantar em Frankfurt

Meat Room, uma ótima opção pra jantar em Frankfurt

 

Baladas gays em Frankfurt

A Club 78 toca músicas dos anos 70, 80 e 90 em dois andares e é recomendada na noite gay de Frankfurt pra quem gosta de festa, tanto que está organizando um cruzeiro gay pra setembro desse ano.

A festa Atomic, que rola na segunda sexta-feira de cada mês no club Nachtleben, oferece uma festa mais indie/pop para um público majoritariamente mais novo. Só as novinhas, bi! E a entrada é de € 5.

A Delicious, que eu comentei que rola na Gibson, só acontece 3 vezes por ano e é seu bafo se você quer conhecer a nata de gente diferenciada de Frankfurt. Cada festa tem um tema único com shows espetaculares e produção babadeira! As datas são divulgadas no site oficial. A próxima é nesse final de semana, dia 16.

MyZeil, um shopping center com essa entrada doida, perto do fervo gay de Frankfurt

MyZeil, um shopping center com essa entrada doida, perto do fervo gay de Frankfurt

 

Clubes de sexo em Frankfurt

Sim, bis, a noite gay de Frankfurt só é fria se você assim quiser. Mas se sua intenção é a aprender alemão com mímica, consegui achar os lugares que mais causam na noite.

O Stall é um dos clubes de sexo/pegação e bar de fetiche mais populares da cidade. Os fãs de couro vão adorar! Não tem dark room, mas eles prometem que tem vários cantinhos e áreas privativas. Durante o ano, rolam noites especiais temáticas.

Se você quer dar um close certo e ainda pagar de #BiCult, seu lugar é a Grande Opera. Ela fica, na real, em Offenbach, uma cidadezinha perto de Frankfurt e é a casa do fetiche e BDSM (sadomasoquismo). Tem mais de 15 mil membros (ui!) inscritos no seu site e promete performances e festas especiais. Pelo que dizem, tem vários brinquedinhos e atividades. Fecha às segundas e terças.

Se você acha longe, tente o Comeback, que fica no centro da cidade, bem naquele miolinho que falei no começo do post, com pencas de boys procurando por ação mais quente. Lá o público é um pouco mais velho e eles abrem todos os dias. Bom, ficar sem curtir a noite gay de Frankfurt acho que você não vai ficar, né?

Bi, vamo arrasar na noite gay de Frankfurt! / Miga, sua loka!

Bi, vamo arrasar na noite gay de Frankfurt! / Miga, sua loka!

 

Sauna gay em Frankfurt

Metropol Sauna, que já comentei, é a maior sauna gay em Frankfurt, com 1.000m². Tem sauna seca, hidromassagem, bar, lounge de TV, cabines privativas, labirinto, academia (!), solarium e serviço de massagem com massoterapeutas super treinados. Aos finais de semana, funciona 24h e no sábado à noite, rola um DJ. Tem uma franquia na cidade de Essen.

Já a Clubsauna Amsterdam é tida como a melhor sauna gay em Frankfurt e é a mais velha de todas (abriu em 1969, olha o ano!), é tipo a tia da noite gay de Frankfurt. 😛 Tem sauna seca, a vapor, hidromassagem, terraço, cabines privadas, serviços de massagem e um bar e restaurante no local. Fecha às segundas e o preço varia entre € 11 e € 15.

Também aberta 24h aos finais de semana, a Saunawerk oferece desconto pra estudantes e é uma sauna gay popular com labirinto, sauna a vapor, sauna finlandesa, hidromassagem, cachoeira, área de fumantes, lounge com TV, bar e ainda banho turco. Também tem internet grátis e massagem. Às sextas e noites temáticas, rola uma festa da espuma.

Em Frankfurt ficam alguns dos prédios mais altos da Europa

Em Frankfurt ficam alguns dos prédios mais altos da Europa

 

Leia também: Como ir do aeroporto de Frankfurt para o centro

 

Hotel gay-friendly em Frankfurt

Separei algumas opções que encontrei de hoteis gay-friendly na cidade. Como já falei, fiquei hospedado no United Hostel Frankfurt City Center, então não conheço esses hoteis pessoalmente. Mas tentei reunir aqui as opções que encontrei como sendo gay-friendly pra facilitar sua vida pra que você possa curtir a noite gay de Frankfurt e voltar pro hotel tranquilinho e descansar! 🙂

Hoteis de luxo / phynesse pura

Hoteis econômicos / arrasando com pouco

Veja outros hoteis em Frankfurt

 

Atrações em Frankfurt

Fora todo esse atrativo gay, o que tem de legal pra fazer e ver em Frankfurt? Ok, vou dar uma resumida procês!

Da Main Tower dá pra ver todo o skyline da cidade e é uma visita que vale a pena fazer. A plataforma lá no topo é aberta a visitação e fica a cerca de 200m do solo. Em Frankfurt estão alguns dos prédios mais altos da Europa, então é legal dar um confere, bi! Olha só o vídeo que fiz com meu pai lá pro Viagem Primata.

Ali pertinho, na frente da antiga sede do Banco Central Europeu, fica o símbolo do Euro, pra você tirar aquela fotinho esperta na frente. 🙂

A área chamada Römerberg é uma das mais fofas da cidade, e super antiga. É o centro velho de Frankfurt, com construções neogóticas datadas do século XIV e restos dos assentamentos romanos no sítio arqueológico perto da Catedral de São Bartolomeu, que é do mesmo século e é conhecida como Dom.

É lá que fica um café bonitinho que tem um chocolate quente delicioso, fica aqui ó.

Römerberg, a parte mais fofa de Frankfurt

Römerberg, a parte mais fofa de Frankfurt

Ainda falando em comer, à noite, vale a pena parar pra comer no Meat Room, pertinho do hostel, na rua bem em frente à Hauptbahnhof (estação central). Bem aconchegante, ótima comida, preço razoável e atendimento excelente.

Se quiser emendar nas compras, vá pra rua de pedestres Zeil, cheia de lojas e com o shopping center MyZeil, que abriu em 2009 e tem uma fachada de vidro em forma de funil com contornos em espiral. Sensacional! E lá também fica a escada rolante livre mais comprida da Europa. Ali pertinho fica também a Hauptwache, a praça que é tipo o centro da cidade e uma das praças mais populares que tem, no meio dela, um prédio barroco de mesmo nome! Bafo certo!

Por falar em prédio bafônico, a Alte Oper Frankfurt é um prédio histórico usado pra shows outros eventos importantes. É bem bonitão!

Alte Oper Frankfurt, uma das casas de show da cidade

Alte Oper Frankfurt, uma das casas de show da cidade

Museumsufer é o aterro dos museus no bairro Sachsenhausen. São vários museus diferentes à beira do rio Main, como o de arquitetura alemã, de comunicação, de cinema, arte e cultura, ícones contemporâneos e o Städel Museum, que foi o único que meu pai e eu entramos. Não somos muito de museu, por isso acabamos optando só por esse, que por si só, tem uma arquitetura linda! Vale a pena a visita. Eu não sabia, mas há um ingresso chamado Museumsufer que dá acesso à maioria desses museus por dois dias consecutivos.

E já que o assunto é arte, você pode também visitar o MMK Museum für Moderne Kunst, ou seja, o Museu de Arte Moderna. Fica perto do Dom e é considerado um dos museus de arte contemporânea mais importantes do mundo com mais de 4.500 trabalhos dos anos 60.

Pra você que curte um verdinho (não tô falando do 4:20, meu amigo, acorda!), tem dois lugares que eu não conheci, mas podia ter ido, se tivesse com mais tempo: o Grüneburgpark, maior parque parque público da cidade e o Palmengarten, o jardim botânico que fica do ladinho do Grüneburgpark e abre todos os dias do ano. Perto dos dois, fica também a universidade Goethe-Universität Frankfurt am Main.

 

É isso, bi! Esse é o resumo de Frankfurt am Main e da noite gay de Frankfurt! E fique ligado! Nesse próximo final de semana, de 15 a 17 de julho, rola o CSD Frankfurt, o equivalente à Parada LGBT de lá. Acompanhe a página no Facebook, caso esteja por lá.

 

Acompanhe o Viaja Bi! pelo Snapchat também:
rafaleick / viajabi

Compartilhe:
Tags:

Sobre Rafael Leick

Rafael Leick

Publicitário e blogueiro, foi palestrante em seminários internacionais no Peru, a convite dos órgãos de turismo locais, falando sobre planejamento de comunicação e diversidade, com foco na temática LGBT. Morou em Londres e, aos 31 anos, conhece 22 países. Escreve para o Viaja Bi!, Viagem Primata e ExploraSampa. Todos os posts do Rafael.

  • Website
  • Google+
  • Instagram
  • Email

8 Comentários

  • W. Oliver
    2016-07-12 16:35

    Barrado na porta, Bi!!! Achei um insulto!!! Não deixariam eu nem passar na rua desse jeito uai!!! jkashdfkjnamv Ótimo, ótimo… Como sempre, o viaja bi arrasando nas postagens!

    • Rafael Leick
      2016-07-14 00:12

      Valeu, bi! 🙂
      Pois é, fui barrado no baile, literalmente hahaha Mas tudo bem, numa próxima, tento novamente rs

  • José Luiz
    2016-11-09 21:10

    Nossa, achamos o máximo esse seu site, vc escreve de um jeito que nos deixa com muita vontade de conhecer o lugar e te conhecer tb! haha
    Iremos a Frankfurt no próximo verão europeu por 5 dias e fato fatérrimo que faremos tudo o que vc sugeriu! Obrigado, bi! bjs

    • Rafael Leick
      2016-11-09 22:34

      Oi, José Luiz. Valeu por comentar e pela visita.
      Poxa, que delícia ler esse tipo de comentário! Dá aquela força pra continuar rs
      Vai fazer TUDO mesmo que eu indiquei? Até as coisas mais calientes? hahaha Olha só, eu quero que, depois da sua visita a Frankfurt, você volte aqui pra contar como foi a visita a cidade, combinado? Não me esquece! 🙂
      Ah, e dá aquela força pro tio aqui, faz a reserva das suas hospedagens pelos links que eu coloquei aqui, pra você sai o mesmo valor, mas me ajuda bastante 🙂 E se não gostar de nenhum dos hotéis listados, tem o link pra buscar também outras hospedagens. Usa, tá? Nunca te pedi nada! rs 😛
      Beijocas, bi!

      • José Luiz
        2016-11-10 13:28

        hahaha vontade de fazer TUDO não falta, não sei se o tempo será suficiente para tanta coisa! kkkk só saunas são 3! Unmöglich!
        Contarei sim, com certeza!
        Quanto ao hotel, infelizmente já tinha reservado com pagamento antecipado, o NH Collection.. 🙁 mas reservei seguindo suas dicas, ao lado da Elefantengasse… A poucos passos do fervo!
        Viajamos muito tb, somos viciados em viajar pelo mundo e já rodamos muita coisa, essa será nossa sexta vez na Europa!
        Se quiser conversar mais com a gente sobre isso, trocarmos ideias e experiências, iremos adorar. Só mandar um email para mim e trocamos face, zap, etc e tal!
        beijos grandes!!!!

        • Rafael Leick
          2016-11-11 02:18

          Oi, Zé! (fazendo a íntima rs).
          Olha só que bafo. hahaha Quero saber de tudo então rs E, de repente, quando você voltar, quem sabe você não conte aqui sua experiência? =)
          Poxa, já tinha reservado. 🙁 Agora, pra compensar, TODAS as viagens que fizer, vai ter que reservar pelos links daqui, tá? rs Xentem, vai ser bafo essa viagem sua rs
          Você vai viajar com quem? Boy, migas, família?
          beijocas!

          • José Luiz
            2016-11-11 09:35

            hahaha Bi, será bafo bafíssimo! Vou com meu cônjuge (amo essa palavra! kkk) estamos juntos há 18 anos! 🙂 comemoraremos os 19 pelas oropa!
            Contarei sim! Vamos fazer Escandinávia, Países Bálticos, Portugal e fecharemos na Alemanha!
            Renovo o convite de nos falarmos via face ou email! bjs!!!!!!!!!!

          • Rafael Leick
            Rafael Leick
            2016-11-11 19:01

            Hahahaha que fofura, gente!!! E quanto tempo já! Meus parabéns antecipado! Essa viagem vai ser bafo puro!
            Boa viagem, bi!!!
            Bêjo

Comentar

Ut tellus dolor, dapibus eget, elementum vel, cursus eleifend, elit. Aenean auctor wisi et urna. Aliquam erat volutpat. Duis ac turpis. Integer rutrum ante eu lacus. Required fields are marked*