3 de março de 2015

Parada Gay de Auckland 2015, na Nova Zelândia

Bis, hoje tem novidade no Viaja Bi! e envolve também a Parada Gay de Auckland. Mas quem vai falar com vocês hoje não sou eu. Hoje teremos um convidado muito especial, não só por ser nosso primeiro convidado, mas também por ser um blogayro que admiramos, o Oscar Augusto Risch, que mora na Nova Zelândia com seu marido Maurício.

Fotos: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Fotos: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Ele é o autor do blog MauOscar e vale sempre rever uma partidinha de rugby com aqueles jogadores que tem pernas que são da nossa largura, ai ai… Bom, hoje o Oscar tem dedicado seu tempo como blogueiro ao Viajoteca, projeto de 4 blogueiros brasileiros que moram espalhados pelo mundo. Vale o clique!

Introduções feitas, ele veio contar pra gente como foi a Parada Gay de Auckland 2015, na Nova Zelândia, que aconteceu no último dia 21 e ainda dar um pouco de como é a cena gay por lá. Ah! Antes que vocês se questionem, a sigla LGBT pode mudar de país pra país, por lá, o usado é GLBT.

Divirta-se, bi!

Menina se diverte na Parada Gay de Auckland - Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Menina se diverte na Parada Gay de Auckland – Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

 

A Parada Gay de Auckland

Realizada no sábado, dia 21/2, a terceira edição da Parada Gay de Auckland atraiu uma verdadeira multidão para a Ponsonby Road no maior evento GLBT da Nova Zelândia. Com um total de aproximadamente 55 blocos, a Parada do Orgulho Gay de Auckland de 2015 teve como tema “Gods Monsters. E como o próprio tema sugere, o que não faltaram no desfile, foram deuses e monstros.

Com uma atmosfera alegre, festiva e muito colorida, a Parada foi uma festa quase familiar com milhares de pessoas prestigiando aqueles que desfilaram por cerca de 1,5km na Ponsonby Road

Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Com um público recorde, a Parada Gay de Auckland, pela primeira vez na história do país, contou com o desfile da polícia e das forças armadas neozelandesas que até ano passado não podiam desfilar uniformizados.

Além da polícia e das forças armadas, desfilaram grupos de partidos políticos tanto de esquerda quanto de direita. Assim como estudantes das principais universidades, funcionários de diversas empresas e associações. Além de moradores de Auckland, a parada contou ainda com a presença de grupos vindos de outras cidades do país.

Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

A Air New Zealand, companhia aérea controlada pelo governo neozelandês foi a que tinha um dos maiores contingentes de pessoas desfilando, seguida de perto pelos grupos de funcionários dos maiores bancos e empresas da Nova Zelândia.

Considerado um dos principais eventos do Auckland Pride Festival, que pela primeira vez se estendeu ao longo de 3 semanas. No dia da Parada Gay de Auckland (ou Parada do Orgulho Gay), alguns dos principais ícones arquitetônicos da cidade como o Auckland Museum e a Auckland Skytower, foram iluminados com as cores do arco-íris para celebrar a data.

Auckland Museum iluminado com as cores do arco-íris - Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Auckland Museum iluminado com as cores do arco-íris – Foto: Oscar Augusto Risch / Viajoteca

Sendo o primeiro país do mundo a garantir o sulfrágio universal [direito universal ao voto], a Nova Zelândia sempre foi um país na vanguarda no que se refere a equalidade de gênero. E apesar de ter sido apenas o  14º país do mundo a legalizar o casamento de pessoas do mesmo sexo, foi o primeiro do mundo a fazer isso na região da Ásia-Pacífico em agosto de 2013.

Hoje, casais do mesmo sexo podem não apenas se casar, como podem adotar filhos por aqui.


 
Para maiores informações sobre a Nova Zelândia, acesse o Viajoteca e o MauOscar.
 

SOBRE O AUTOR CONVIDADO
Oscar - Viajoteca e MauOscarOscar Augusto Risch
Começou a blogar quando deixou o Brasil, em 2008, um dia após sua formatura. Já morou em 4 diferentes continentes e atualmente reside em Auckland na Nova Zelândia. É apaixonado por fotografia, natureza, vinhos e boa gastronomia. Escreve para os blogs ViajotecaMauOscar. Acompanhe o Oscar no TwitterInstagram e Google+.

 

>> Acompanhe o Viaja Bi!: Instagram, YouTube, Snap (👻rafaleick 👻viajabi), Facebook e Twitter.

Hospedagem | Seguro Viagem | Câmbio | Aluguel de carro

Compartilhe:
Tags:

Sobre Rafael Leick

Rafael Leick

Publicitário e blogueiro, foi palestrante em seminários internacionais no Peru, a convite dos órgãos de turismo locais, falando sobre planejamento de comunicação e diversidade, com foco na temática LGBT. Morou em Londres e, aos 31 anos, conhece 23 países. Escreve para o Viaja Bi!, Viagem Primata e ExploraSampa. Todos os posts do Rafael.

  • Website
  • Google+
  • Instagram
  • Email

1 Comentários

Comentar

Ut tellus dolor, dapibus eget, elementum vel, cursus eleifend, elit. Aenean auctor wisi et urna. Aliquam erat volutpat. Duis ac turpis. Integer rutrum ante eu lacus. Required fields are marked*